sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Palavras

Se a mim me soa a cliché, outros parecem esquecer. As palavras leva-as o vento. Podem valer muito, arrancar um sorriso, uma lágrima, uma dor de cabeça. Entretêm, revoltam,ensinam.
São como as árvores num temporal, perduram as que têm as melhores raízes, mais consistentes, mais enterradas.
Para terem valor têm que acompanhar as acções. Falar é fácil, fazer é que custa.
É tão facil dizer que se pensa isto ou aquilo, que se sente, que se acredita. É tão facil a hipocrisia.
Há palavras que me podem escrever, cantar, dizer. Podem ser as mais bonitas, as mais caras ou mais disparatadas. Não me convencem.

4 comentários:

MRPereira disse...

:)

Indeed! ;)

Kiss kiss

...Ju... disse...

falar é fácil... é leve e leviano.
mas deixa marcas... por mais pequenas que sejam! e há coisas que não conseguimos esquecer... por muito que finjamos que sim!

Anónimo disse...

Entretetêm? Essa palavra não conheço, para quem escreve de uma forma razoável esse erros são imperdoáveis.
;)

Paulo

clara disse...

corrigido Paulo. Nos dois posts. Obrigada.