segunda-feira, 6 de dezembro de 2010


Peguei no meu casaco, cachecol e luvas e fui enfrentar estes cinco graus negativos que por aqui se sentem, para poder fumar um cigarro.
Enquanto observava a neve e as estalictites dos candeeiros e outros metais na rua, vi passar um gatinho, pequenino, com nao mais que umas semanas.
Fiquei atormentada, a pensar no pobre bichinho e na temperatura que se sente la fora.
Nao tivesse ele fugido e e bem provavel que estivesse ja numa certa casinha, cujo o bom aquecimento permite uns 25 graus.

2 comentários:

João disse...

e ganhavas uma companhia:)

a_secretaria_executiva disse...

eles têm muitos pelos e esfregam-se imenso nas pernas e (parece-me o despontar de um lado maternal) dão trabalho, pronto. mas aquecia-te os pés