sexta-feira, 18 de março de 2011

E ja que estou numa de reinvindicar


Alguém me explica porque e' que o sr. Carlos Castro merecia ter uma rua com o seu nome?
Para homenagear o seu trabalho com fofocas?
Por ter sido assassinado de forma tão horrorosa?
E que tal uma rua com o nome daquela miúda, a Joana Cipriano, cujo o corpo dizem ter sido atirado pela mãe como comida para os porcos?
Ou das prostitutas violadas e assassinadas, pelo chamado "o estripador português"?
Não entendo estas petições, quem teve brilhante ideia e o que move tanta gente a defende-lo.
E' verdade que também não percebo ruas com nome de disciplinas ou terras, ou ate mesmo, a minha própria rua, com  o nome da minha tetra-tetra-treta avo, com que ainda tenho o apelido ventura em comum, mas que desconheço que terá feito para merece-lo. Dizem que foi benfeitora, mas reza a historia que era a mulher do presidente da câmara ou coisa do género e uma daquelas dondocas que passava a vida em jantares e bailes de caridade.
Ainda assim, não percebo porque temos que homenagear este senhor e digo não a uma rua com o seu nome.

1 comentário:

Anónimo disse...

Estou de acordo contigo! Ainda assim se uma rua com o nome carlos castro o fizer mais feliz, dp da vida e morte de merda q teve... nao me oponho. É como quiserem. Tou paz e amor! Bbbbb