sexta-feira, 11 de março de 2011

Homens da luta


Não vi o festival da canção, nem ouvi os senhores Homens da Luta.
Li que ganharam, li que vão representar o pais ao tal festival, li crónicas que concordam, li post que não concordam,
Pois eu não concordo. Acho que não nos vão representar coisíssima nenhuma. Ou melhor, se calhar no fundo, la no fundo, vão, mas não como gostaríamos.
A vida e mesmo assim, quando podemos escolher, escolhemos o nosso melhor lado e não o pior, ou mais ridículo ou, neste caso, o mais caricaturado.
Ninguém liga nenhuma ao festival de há uns anos para cá. Pois não, em Portugal. Há países em que as musicas passam semanas e semanas na radio, como forma de marketing. Sim, esse marketing que o Jel e o Falancio fizeram e o tal da voz rouca não fez. Há países onde, ainda, os amigos e as famílias se reúnem, fazendo do programa que lhes passa na televisão um ritual com tradições. Países onde as pessoas efectivamente votam. Ou seja, países onde gente como menos de 70 anos, fica em casa e vê cada um dos países concorrentes. E compara, repara, aponta o dedo, julga, etc.
E que vão ver ouvir essas pessoas quando chegar a vez de Portugal? quiriquiriquiriqui, da-lhe Falancio (acho eu, que não ouvi a musica, mas presumo que esteja dentro da linha a que já nos habituamos).
Diz que os Homens da Luta não vão para ali só para brincar, só para fazer figura de parvos. Pois, eu digo que vão, não para representar o pais, mas para se fazerem notar no pais. Marketing de quem tem ai uns MP3 para vender.
Diz que vão fazer a mesma figura de parvos que outros fizeram em tempos idos, mas com essa consciência.
Não concordo. Nego que tenham feito um bom trabalho? não. Nego que tenham atingido o seu objectivo? não. Nego que puseram-se a si próprias e ao Festival na palavra do dia? Não.
Acho que precisávamos disto. Acho que e uma boa estalada sem mãos de quem anda meio adormecido com algo que secante ou não, pimba ou não, foleiro ou não, nos representa noutros países. Mal ou bem. Isso e o futebol. E isso e' que e' uma pena...

6 comentários:

Anónimo disse...

Pois nao estamos d acordo. Eu vejo isto como um sinal do povo, dos jovens principalmente, q temos q abanar este pais adormecido. Os homens da luta tem uma msg e sabem como passa la ao target. Eu gosto e acho q o objectivo ja esta cumprido. Mesmo assim vou ver o festival da cancao. A luta continua! Bbbb

clara disse...

Ha sitios e sitios para se passar mensagens.
O festival a Eurovisao é um sitio para premiar o taleto musical.
Os Homens da Luta têm o seu talento, nõ lhes tiro mérito, mas não é musical, de certeza.

Anónimo disse...

Também discordo... Premiar o talento musical era "dantes"... Nos tempos de Fernando Tordo, Paulo de Carvalho e até da Dulce Pontes...

No ano passado ou há dois anos fomos representados por uma "girls band" dos morangos com açúcar...
Nessa altura não houve críticas e hoje, ninguém sabe quem lá foi ou qual a canção...

Eset ano a polémica existe porque se abanaram consciências. E só por isso, já valeu a pena.

Bjs,
AA

clara disse...

Nao digo o contrario. Como digo no meu texto, os Homens da Luta deram-nos uma estalada sem maos, lancando a polemica e pondo o Festival outra vez na ordem do dia.
Mas tenho muita pena que assim seja e que o preco a pagar seja estarmos representados internacionalmente com um megafone.

Anónimo disse...

Adoro qd me respondes! Nao concordamos mesmo mas nao passa nada. Bbbb

clara disse...

Ultimamente, tento responer sempre. Dantes, não tinha tempo e tinha que escolher entre responder ou postar. Agora tenho mais tempo e, na verdade, é muito mais giro dialogar.