sexta-feira, 11 de novembro de 2011

A revelação

E eis que, após 31 anos de existência, descubro o segredo dos meus pais:

Pai - a cadela dormiu a tarde toda
Mãe - não pregou olho

Pai - a cadela já tá melhor, comeu que se fartou
Mãe - ainda não consegui que a cadela comesse

Pai - já tá boa, já salta sozinha para o sofá, mesmo com o funil
Mãe - passei o dia todo ao serviço da cadela, sempre a chorar para a pôr no sofá.

Como diz o outro, o amor é, entre outras coisas, surdo.

2 comentários:

Patrícia disse...

Haha o que eu me ri :)

RBM disse...

Ou um exemplo claro de optimismo masculino e pessimismo feminino.