quinta-feira, 17 de maio de 2012

Notas soltas

-          Estou doente;
-          O mega fim de semana de regabofe que se adivinhava dentro de uma semana e meia, com a amiga que vinha visitar, teve que ser adiado;
-          Desisti da dieta e essa foi a melhor ideia que tive desde que vim para Irlanda;
-          Continuo a comer sopa e salada que nem um coelho, mas acompanhada duma bela massa com natas. Ou pizza. Ou como a mixordia que fiz no outro dia, com batatas, bacon, bechamel e queijo. Ou alcool, o verdadeiro motivo da desistencia.
-          Também continuo com o meu exercicio fisico ás 7h da manha e vejo resultados. Nao no peso, nem na roupa, digamos que é em termos de densidade.
-          Deixei a dieta, comi, bebi, mas nem por isso deixei este raio de obsessao que nao me permite escrever sobre absolutamente mais nada e, acredite-se ao nao, ate se vao passando coisas interessantes, sendo algumas delas dessas que tambem queimam calorias;


3 comentários:

Quase nos "entas" disse...

Não tentar fazer dietas muito rigidas...dar ao seu organismo 1/2 dias por semana de freefood...e depois compensar no dia seguinte....afinal todos merecemos uma dentada no pecado da GULA ;)
força

Anónimo disse...

Eu sei bem o que é a batalha com a balança. Mas tb sei que a força de vontade é tudo e não me parece que haja muita aqui. Enfrente isso, seja aquilo que quer ser, xiça.

clara disse...

Efectivamente, a força de vontade para não comer ou beber é zero.
Andar com um sorriso na cara e sem preocupações ou pressões auto infligidas tem sido uma descoberta muito mais gratificante que caber na roupa.
E, surpresa das surpresas, até emagrece.
Recorrendo a um cliché, viver de forma saudável é o mais importante e foi o que comecei a fazer ao desistir da dieta.