segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Fraquezas

Desde quando é que um abraço perdeu significado? Desde quando um beijo é só um beijo? Desde quando é que passámos a ter que ser "cool" e deixar de nos importar?
Aquele beijo não foi só um beijo. Não foram borboletas na barriga. Foi toda uma história que se desenvolveu para no ali culminar. Não importa se foi num fim de semana, numa tarde, de manhã pela fresquinha. Sim, teve significado. Um beijo meu implica carinho, interesse, gostar.
Por isso não entendo porque temos que fingir que não é nada, que nada se passou e só assim ser fixe, adulta e desprendida.
Passei a noite a tentar decidir o que vestir. Que roupas me esconderão melhor, na impossibilidade de pintar a cara. Disse que estava zangada, magoada. Disse que tinha saudades. Não, não é reciproco. Pelos vistos, não. Pelo visto um beijo é só um beijo e não se fala mais nisso. E eu tenho sinto vergonha por não o sentir da mesma forma. E a verdade é que não entendo porque é que isso faz de mim mais fraca.

5 comentários:

Anónimo disse...

Love is in the air!!! lalalala!!

Little Lady disse...

Não faz de ti mais fraca...
Faz de ti uma mulher de sentimentos. Apenas isso.

Clementine disse...

Não faz de ti mais fraca. bem pelo contrário, dorte por admitir os teus sentimentos :) *

Anónimo disse...

Não és mais fraca, simplesmente tens um outro tipo de sentimentos que ele não tem por ti. E quem não sente consegue olhar o beijo como só um beijo. Só isso. Aceita e avança.

clara disse...

Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança. Aceia e avança.

I'm trying. Really hard.