quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Back to basics

A minha mãe jura que eu sou a pessoa mais distraída do mundo, mas isso é porque ainda não conheceu aquele que, por não me apetecer revelar nomes, vamos passar a chamar de objecto do meu desejo. Objecto do meu desejo, parece-me um nome fixe, que ainda não vi nenhuma blogger usar e que pode ser resumido ao acrónimo, OMD, que me faz pensar, também, em Oh Meu Deus, que é aquilo que me imagino a gritar-lhe, entre outros momentos, cada vez que se atira à estrada, sem ver se vêem carros.

Pois que o OMD distrai-se com a mínima mosca que lhe passe à frente dos olhos, mesmo estando perante a coisa mais interessante do mundo e eu não sou excepção.
No nosso primeiro encontro, estávamos num bar, e, deve ser algum hábito irlandês, estava um senhor a fazer de baloiço humano, no meio do chão, com um puto de dois anos. Tanto balançou, para ali e para aqui, que está visto que perdi o OMD, nesse preciso momento. Tive que fazer o meu melhor pino, para o ganhar de volta.
No nosso segundo encontro, tive a sorte de avistar primeiro, um senhor com uma barba e um cabelo tão brancos e tão grandes, que parecia um algodão doce, com um narizinho de fora (tenho que começar a sair de casa com a máquina a postos). Lancei logo ali, três bolas no ar, que pus a rodar, sem deixar cair e lá me safei.
No terceiro encontro, íamos a passear na rua quando avistámos 4 meninas a fazer alongamentos à beira rio. Ali estavam elas, de rabo espetadinho, a esticar articulações. E um rabo espetadinho é logo um deleite para a vista deste meu OMD. Quatro, nem vos conto. Foi nesse momento, que fiz a roda, um mortal e ainda cuspi fogo. Ali, pronta para qualquer contingência.
Diz que agora, anda por aí outra acrobata, capaz de profecias extraordinárias, tipo apanhar um avião. Pronto, eu, já era.
E só então me ocorreu a minha melhor acrobacia. A que me esqueci de fazer. A cambalhota.

3 comentários:

redonda disse...

:) (eu estava desgraçada porque não conseguiria fazer nada disso)

clara disse...

Isto é muita garganta. Mas uma cambalhotazinha... Todos comseguem ;)

Anónimo disse...

Cambalhotaa.? Daquelas q a gente gosta? Mesmo?
Bbbbb