quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Vou mudar o mundo

Andei com um irlandês que me disse que o mais gostava numa gaja era que fosse funny. Funny? Eu sou funny! Sou a portuguesa mais funny que já conheceste. Só depois de fazer dieta percebi que funny era eufemismo. Para gorda. Um dia fomos sair, fui à casa de banho, quando voltei, estava atracada a uma gaja de 90 quilos.

Conheci um português que me disse que não tinha interesse nenhum nas irlandesas. Eu não sou irlandesa. Posso ter a pela clara como a das irlandesas, um pai com sardas como os irlandeses, mas digam o que disserem sou portuguesa. Um dia fomos sair, fui à casa de banho, quando voltei, estava aos beijos com uma espanhola.

O meu ex-namorado costumava dizer que gostava de gajas maduras. Bolas, como é que consegui enganá-lo? Um dia fomos sair, fui à casa de banho e fiquei a saber que me andava a trair com uma gaja 10 anos mas velha.

Claramente, vejo aqui um padrão e tenho que tentar quebrá-lo. Putas. Estou rodeada de putas. A puta da velha, a puta da espanhola, a puta da gorda.

8 comentários:

DonJuan disse...

Acho que tens é de deixar de ir à casa da banho. :)
Beijinhos

clara disse...

Agora já sei, DonJuan, nada de liquidos ;)

Mo Cuishle disse...

delicioso post :) e brilhante conclusão a de cima ha ha ha, o problema está na incontinencia, urge umas lindor ... hahaha.

Turtle disse...

Ora eu acho que tens é de deixar de ir a restaurantes e passar a comer em casa! Aí só tens a Balti para competição :P

redonda disse...

Também pensei o que escreveu o 1º comentador :)

Manuel disse...

Já somos muitos a pensar como o Juan...

clara disse...

Estou a ver. DonJuan, bem que pdiam ter avisado há ns aninhos atrás :p

Anónimo disse...

Maravilhoso!!!
Bbbb