terça-feira, 18 de junho de 2013

Os abutres

Gajos que vêm cá ler blogue, esclareçam-me, por favor? Vocês têm faro para estas coisas?
Durante anos da minha vida, sempre que eu conhecia alguém interessante e ficava um bocadinho mais entusiasmada, aparecia-me, do nada, o meu ex. E eu, tontinha, assim deixei para trás, várias vezes, a possibilidade de vir a ter uma bonita e saudável relação.
Desta vez foi ao contrário. Não conheci ninguém interessante. Perdi apenas o foco numa fantasia.
 Pois ele foi o gajo que não tem pontinha que se lhe pegue e achou que eu capaz de estar num sitio muito especifico de Portugal, só porque ele lá está e o espanhol de mierda que, depois dum mês, resolve ligar (ligar???Quando andávamos, levava uma mensagem e já ia com sorte se não fosse no facebook) só para me contar que já não tem pontadas no coração, mas tem uma costela solta. Diz que também põe muita manteiga no pão.
E isto até é bom. Assim, cada vez que o telefone toca, em vez de ter a esperança que seja alguém interessante, penso logo nestes abutres. E assim se cria uma totalmente nova relação entre mim e o senhor meu telemóvel.

7 comentários:

Anónimo disse...

"Gajos", ou Clarinha tu es Algarvia?
Lamento que andes dando pontapes no escuro, mas isto acontece a todos ou todas. Mesmo aqueles ou aquelas que acabam por casar depois de namorarem durante anos chegam a um ponto de se perguntarem, sera que esta eh a pessoa certa para mim? E depois entram os divorcios em accao!! O melhor mesmo eh nao casar e fazer vida de casados, sera que os teus pais aceitam? hehe.

clara disse...

nao percebi. o que é que isto tem a ver com o meu post?

Anónimo disse...

Ta bem, eu de abutres nao percebo nada.

hierra disse...

Essa volta do 'ex' aconteceu-me várias vezes quando estava prestes a embarcar em novas águas! Não sei se isso é o universo a pregar-nos partidas, mas é sinistro. Uma vez estava à espera de uma chamada do 'novo interesse' e liga-me um número e eu a pensar que era ele, nem reconheci o antigo que ficou furioso!! Eu tenho o lema que o passado está morto e enterrado!

Salvador disse...

Julgava que essa era uma caracteristica (o'faro') associada à intuição feminina... ))

Anónimo disse...

Voltar para um ex-namorado é o mesmo que comprar outra vez um carro que já vendeste. Vem com os mesmos problemas e mais quilómetros!!! Tenho dito.

clara disse...

Boa analogia! bem pensado.