segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Solteira depois dos 30

Com as minhas amigas, basta-me ir ao talho, para levar logo com um inquérito se o talhante era giro, solteiro, novo, interessante e pardais ao ninho.
Pronto, o homem do talho talvez seja exagero, mas quase que não há homem, que tenha o infortúnio de se apresentar num raio de dois metros de mim, seja colega de trabalho, vizinho ou amigo, para elas começarem logo a ver ali um potencial alvo das minhas investidas. 'Tadinhos...

Sem comentários: